Início Site Página 10

Votar ou Não Votar? Eis a questão. Marília no 1º Turno...

Uma semana após a votação do 1º turno, no Pequeno Expediente da Sessão Ordinária do dia 13 de outubro, a vereadora Sônia Tonin chamou atenção para o levantamento do grande número de eleitores que teriam se ausentado de Marília durante o primeiro turno das eleições. Segundo ela, 35.100 eleitores se abstiveram de votar, além disso, houve 6.172 votos brancos e 6.168 votos nulos. No total teriam sido 47.440 votos inválidos para o processo eleitoral tornando os números altamente expressivos.

Sessão Ordinária de 20/10/2014

Na sessão ordinária de hoje, 20 de outubro, durante o expediente foram abordados assuntos como a questão do abastecimento de água do município; relatou-se que há muitos pontos de lazer da cidade que estão precisando de manutenção; e também foi requerido quando as obras da rodovia do contorno serão retomadas, dado que não foi feita a devida sinalização. Ademais, foi suprimido o pequeno expediente, por conta da grande quantidade de projetos a serem considerados durante a ordem do dia.

Sessão Ordinária de 13/10/2014

A Sessão da Câmara que ocorreu no dia 13 de outubro transcorreu sem problemas e todos os projetos em pauta foram aprovados por unanimidade. Os principais assuntos dos requerimentos foram as obras públicas nos setores de Saúde, Transporte e Água e Esgoto e durante o Pequeno Expediente foram abordados os temas das Eleições e da falta de profissionais da saúde em Marília.

Homem, um “animal político”

O primeiro turno das eleições terminou e podemos fazer um balanço: essas foram as eleições mais caras da história brasileira; o país contou com milhares de casos de propagandas irregulares nas vias públicas; transporte eleitoral irregular; e ainda observamos pesquisas eleitorais errôneas. Mas também foram eleições onde milhares de candidatos e eleitores foram devidamente presos por crimes eleitorais; onde o envolvimento da população serviu para romper com casos de coronelismo (como no Maranhão); houve maior participação popular nas discussões políticas; e pudemos ver casos de derrubada de “reinados” pelo funcionamento da lei da Ficha Limpa.

Sessão Ordinária do dia 06/10/2014

A sessão da semana contou com a discussão de requerimentos e comentários sobre as votações do primeiro turno das eleições no Brasil deste ano.

A irresponsabilidade na gestão fiscal continua

No município de Marília, após a eleição de Vinícius Camarinha, assistimos a frequentes reclamações de sua administração quanto às contas públicas. No que diz respeito a irresponsabilidade fiscal já observamos que esta não ficou restrita as gestões passadas. Basta lembrar-se das matérias mais recentes do Observatório acerca dos excessos com gastos relativos a passagens áreas, publicidade e propaganda, a extrema lentidão na tomada de medidas relativas ao tratamento de esgoto, a continua realização de inversões irregulares na ordem de pagamento dos prestadores de serviço para a prefeitura, o gasto excessivo com aluguéis, telefonia, etc. E depois da segunda audiência pública realizada pela Secretaria Municipal da Fazenda podemos ter certeza da falta de responsabilidade com a administração da coisa pública.